domingo, 20 de novembro de 2011

Versinhos de Amores Repetidos




Eu te amo, 

Ainda que não saiba;
Que não entenda;
Ainda que não caiba,
Te amo.

Ainda que não sinta;
Que não meça;
Ainda que não minta,
Mas te amo.

Ainda que não mostre;
Que não note;
Ainda que não goste,
Só te amo.

Ainda que não me faça parte;
Que nem beije, abrace, nem queira;
Ainda que não te ponha um anel dourado;
Que não viva tudo isto que me crio,

Eu te amo, assim mesmo
Sem culpa, rodeios, medos.

Repetidamente, só.

0 opiniões:

Postar um comentário

 
Free Blogger Templates