terça-feira, 18 de agosto de 2009

Até q nos vejamos


Q minha inspiração ñ seja tão passageira
Qnt o frio vento q toca meu rosto nesta tarde d inverno...

Por inóspitos lugares
Procurei o brilho presente em teus olhos
E o calor de teus abraços,
Como a flor, q busca no sol, sua sobrevivência.

Diante d d minha confusão,
Busquei a sobriedade
Q, por entre minha desconfiança,
Pairava tranqüila.

Pensei nos amore q tive,
E retirei d kd um,
Um pouco da perfeição,
Para, depois, entregar-me c/ eles, à ti.

Q a demora d nosso reencontro
Seja recompensada pelo carinho proporcionado por nós msms,

E q a singularidade d nossas personalidades,
Sejam unidas pelas nossas diferenças.

Para q, assim,
Eu possa, ao teu lado,
Ir em busca do horizonte q nunk encontrei.

0 opiniões:

Postar um comentário

 
Free Blogger Templates