quarta-feira, 3 de junho de 2009

(Antí)teses


Perco-me em desejos...
Bobagens,
Encantos,
Frutos d um subconsciente fraco.

Doei meu sangue,
Meus segredos,
Minha inspiração.

Hj, no nd me encontro.

Meu corpo,
Forte, maciço
Diverge intensamente c/ meu interior.

Falta-me ar,
Falta-me gana,
E uma infinidade d coisas.

Mas,
A esperança ainda me resta.
Possibilidades.
Melhoras.

Espectativas...
Assim,
Rotineiramente,
Vou vivendo.
Andando c/ cuidado.

Pouco à pouco,
(Sobre)Vivendo.

1 opiniões:

NobrEEnha disse...

Doooreeeiii!

Postar um comentário

 
Free Blogger Templates