terça-feira, 26 de maio de 2009

Tempo fechado


Na rua,
Vejo o céu desabar em pranto.

Em meu rosto,
Lágrimas se confundem c/ gotas d chuva.
Lavam-me o interior,
Enganam meus temores.

Os carros passam.
O tempo passa.
Os amores, idem.

Td parece calmo,
Como se jah me conformasse c/ qlqr coisa,
Como se eu jah tivesse vivido td aquilo.

Eh,
Eh bem capaz, sim.

Antes, eu atingia o mundo,
Hj, o mundo me atinge.
O clima se mantém fechado,
As ruas prosseguem úmidas.
Esperam o sol.

Como eu,
Esperam o sol.

0 opiniões:

Postar um comentário

 
Free Blogger Templates